Arquivo da tag: Caos

Indignação Animal

Antes de qualquer coisa, gostaria de deixar claro que não tenho problema com pessoas que curtem animais de estimação, animais em geral, que curtem, cuidam e tudo mais; muito pelo contrário acho louvável e admirável… mas para tudo tem limite!

Minha indignação foi ver uma ação divulgação para coletar doações para animais de estimação para o Natal, inclusive com um jantar com bingo para arrecadar mais fundos… pior ainda ver que uma das maiores provedoras de canais pagos doando quase que R$5.000,00 para essa mesma fundação!

Sinceramente, como pode? Nem cabe estender os limites para o mundo, mas basta ver em cada região a quantidade de crianças que vivem nas ruas, seres humanos, que sequer ganharam uma singela bonequinha ou carrinho ou até mesmo um precioso prato de comida… que não vão ganhar sequer um pouquinho de amor… sim seres humanos “vira latas” que perambulam pelas ruas a procura de um cantinho para ficar, sem famílias, sem carinho, sem donos!

Enquanto isso a burguesia se usa de falácias para criar ações rotuladas como “sociais” a fim de levar animais para sentar a suas mesas. Indigno!

Será que esses seres humanos “vira latas” precisam ficar de quatro choramingando em frente a um portão no Alto de Pinheiros para serem vistos e tratados como gente de verdade? Será que esses falsos benfeitores fariam um jantar com bingo para eles? Será que eles seriam alimentados e acariciados? Será que eles ganhariam um prato de leite ou uma ração cara? Ou seriam enxotados como indigentes?

Até que seria interessante que essa provedora de canais pagos passassem a receber suas mensalidades em rações, ossos e que tivessem sua audiência medida pela quantidade de animais que os vêem.

Mais uma vez deixo claro que não tenho nada contra quem tenha, ame e goste dos animaizinhos; mas sim daqueles que achem que vira-latas precisem mais de ações sociais e doações do que os seres humanos “vira-latas”.

Lá pelos idos dos anos 80, certo mesmo estava Eduardo Dusek, quando no ápice de suas musicas bregas  cantava “… troque seu cachorro por uma criança pobre…”

12 Comentários

Arquivado em Cotidiano, Urbano

Herois não existem

Quando um soldado vai a guerra ele imagina o quanto árdua a batalha pode ser, se prepara bravamente para ela. Acredita que sua determinação e virtuosismo serão decisivos para uma batalha limpa, sem vitimas, sem efeitos colaterais…

Mas não é assim que as coisas realmente acontecem, trapaças, jogo sujo e articulações de conspirações são as regras de uma batalha que não se importam com vitimas e sofrimento. Até mesmo o ‘fogo amigo’ é contrario a ele próprio e percebe que às vezes não há nem mesmo um misero local seguro onde ele possa se restabelecer…

A dor e o cansaço, o desapreço e as traições, as feridas que nunca se curam e os cortes que cada vez mais se abrem… ele pensa que na desistência, a rendição as linhas inimigas, simplesmente aceitar a derrota em troca de… nada!

Não! Heróis não se entregam… nem mesmo devem esperar por uma condecoração, mesmo porque não há condecorações diante de tantas dores e cortes.

Heróis não abandonam seus amigos, pessoas por quem sua vida daria apenas em troca de um sorriso…

Heróis não são santos, são guerreiros e derrubarão sangue de quem se puser a sua frente… munir-se-ão de planos e armas para a batalha vencer ou morrer lutando…

Heróis não existem… são forjados a fogo, dor e tristeza! Ninguém deveria tentar ser um…

Quando Deus precisou enfrentar o mal, sabia que somente os guerreiros mais temíveis o conseguiriam… e assim Arcanjos se tornaram a Ira de Deus… eu sou um Arcanjo!

“Podem me levar para o inferno e me dilacerarem todos os dias pelo resto da minha vida que eu jamais me entregarei…”

Minhas considerações sobre mim mesmo da guerra da vida e da dor

6 Comentários

Arquivado em Cotidiano

A ironia do Caos

Não, eu não sou comediante ou tampouco tenho dom para a coisa, mas tem coisas que acontecem que só mesmo a ironia par nos ajudar a rir e tirar o stress.

Por exemplo, hoje debaixo de uma baita chuva que caiu no final da tarde na grande São Paulo lá estava o display luminoso da Via Anchieta noticiando “PISTA MOLHADA”… MEU DEUS!!! Poderia ser um pouco menos redundante?? Algo tipo, utilizar a martirizante idéia dos auto atendimentos eletrônicos dos serviços de telefonia e escrever “O TEMPO DE ESPERA PREVISTO É ATÉ 40 MINUTOS” ou ainda poderiam ser um pouco mais persuasivos e mandarem “ESTÁ COM MEDO? ENCOSTE! VAI PIORAR” pelo menos assim aqueles que querer dirigir poderiam chegar aos seus destinos…

***

Porque é assim… basta uma gota no vidro do carro que certos motoristas abdicam completamente da direção, puxam a bíblia e o terço do porta luvas e começam a rezar e andar a 10km/h como se o mundo fosse acabar ali mesmo!

E ainda quando você olha para o lado e vê aquele motorista agarrado fervorosamente com as duas mãos na parte superior do volante e o rosto praticamente colado ao mesmo… Nossa desses eu tenho medo até mesmo com o tempo seco e sem transito!

***

Alias esse lance do clima em São Paulo é complicado. O Paulistano praticamente consegue viver as quatro estações do ano em um único dia. 

Bem que o pessoal lá de cima poderia ser mais coerente… Vai chover? Vai fazer sol? Que seja o dia inteiro! Esse lance de sair de casa de camiseta e voltar tremendo de frio, acaba com qualquer um…

***

E tem outra… você sai de casa cedinho com aquele calor prometendo; abre um pouco a janela para secar aquela roupa que jaz no varal e não seca por conta do frio dos dias anteriores e quando volta à noite percebe que sua roupa secou… mas encontra o chão do apartamento todo molhado por causa da chuva… e lá se vão uma dúzia de panos para secar o chão e que certamente vão tomar o lugar das roupas secas do varal por alguns dias!

***

Alguém pode, por favor, parar essa tralha toda que eu quero descer!!!

7 Comentários

Arquivado em Cotidiano, Urbano

Takes de Férias

Infelizmente minhas férias acabaram, talvez um tanto frustrada pelas primeiras semanas de intenso frio e chuva, mas por outro lado maravilhosa por ter dividido cada momento com a Gigi e a Giuli.

Agora um silêncio triste paira sobre o apartamento e faz com que meus olhos embacem facilmente e um nó na garganta trave minha respiração… cada pecinha bagunçada ou caída… cada papelzinho perdido da chuva de papel picados que recebi nessa manhã de dia dos pais me faz relembrar aqueles rostinhos sapecas que tanto me alegraram nesses dias, me estressaram às vezes, me tiraram do sério em outros momentos, mas que fazem parte da felicidade que os filhos proporcionam para nós e sem pedir licença apenas tomam nossos corações e nossas vidas fazendo dela uma imensa brincadeira de criança.

Vou sentir muita falta disso tudo… Snif!

***

E junto com o fim das férias está chegando o calor… para me frustrar mais ainda!

Por outro lado a Gripe A ou H1N1 ou ainda a chamada ‘suína’  também está com seus dias contados… contagem regresssiva para o dia 17… mas exatamente porque dia 17??? É como se ela estivesse com o prazo de validade estipulada como nos iogurtes, leites, etc. e  depois disso apenas não oferecesse mais perigo e tudo poderá voltar ao normal.

Só me pergunto, depois do surto da Vaca Louca, gripe aviária e gripe suína, qual será o próximo animal que será usado como ‘bode’ espiatório???

***

E falando em data de validade, por um infortúnio precisei ir ao cemitério do Araça recentemente e me deparei com uma imensa placa de com uma contagem regressiva de dias e horas para “São Paulo respirar melhor”, que certamente fazia uma alusão a data em que a lei anti-fumo entraria em vigor.

Eu tenho muito, mas muitos amigos fumantes e sempre me dei muito bem estando com eles, mas a verdade é que essa lei é realmente algo de bom para todos aqueles que não fumam e verdadeiramente poderão respirar um pouco melhor nos ambientes fechados e com certeza sair menos defumados desses lugares.

***

Com certeza certas atitudes estão melhorando um pouco mais as condições de uma grande metrópole como São Paulo, como a remoção do excesso de poluição visual, rodízio, lei anti-fumo… mas em contra partida parece que nossas autoridades começam a surtar em outros sentidos, como é o exemplo da lei contra os fretados… será que os caras estão ficando loucos??? Afinal os fretados devem tirar diariamente milhares de carros que estariam as ruas… é só imaginar um Fretado de 44 lugares trocados por 44 carros a mais na Avenida Paulista! Pode? Simplesmente insano.

***

Então vamos resumir… A gripe nos impede de ir aos lugares; os fretados não podem mais nos levar aos lugares; fumantes são proíbidos nos lugares… então o jeito é ficar em casa… Alugue um filme e reze para a Speed não sobrecarregar!

2 Comentários

Arquivado em Cotidiano, Urbano

Trânsito dos Infernos

 Outro dia cheguei à conclusão de que quando morrermos não iremos para o inferno, pois nós já vivemos nele!

Absurdo??? Nada! Perfeitamente plausível. E quer saber o inferno tem nome: TRÂNSITO.

Sim o trânsito é um inferno. Quando você mais precisa ele não anda, para tudo, trava. Você fica sem ação. Precisa atravessar apenas 3 quarteirões e demora mais de 30 minutos para fazê-lo. Se estivesse andando, percorreria 20 quarteirões em 30 minutos, mas de carro, nada feito! Fica ali, parado! Fica com vontade de simplesmente sair andando e deixar o carro por ali, tipo “Um dia de Fúria”.

transito

Você pega aquela via expressa e lá no meio, longe de qualquer saída, tudo para! Pressa. Para ajudar começa a chover o rio enche. Desespero! Quando consegue chegar ao seu destino, seu semblante está totalmente transtornado, fisicamente abalado e cansado que a irá e o stress tomam seu corpo por completo.

Enfim, é só o trânsito parar que o inferno começa.

Alguém tem dúvida que o inferno é aqui??

6 Comentários

Arquivado em Urbano