Arquivo da tag: propaganda

Cenas de um Supermercado

Lá estava diante da gôndola de suquinhos em pó instantâneo a mãe acompanhada de sua pequena filha,  uma cena comum no dia a dia de um típico supermercado paulistano, por onde centenas de pessoas passavam de lá para cá, pesquisando, conferindo preços e enchendo seus carrinhos com as compras habituais, assim como talvez poucos se atentassem a pequena garotinha fazendo a típica manha de uma criança que quer muito aquele produto que a prateleira ostenta.

A garotinha pedia, emburrava-se e fazia biquinho, todas as artimanhas que as crianças aprendem tão bem em alguma escola em dos doces sonhos infantis que qualquer adulto passa a desconhecer quando cresce!

E mesmo a contradição e alerta que a mãe impetrava para a criança sobre a péssima qualidade de sabor daquele suco, não teve jeito, nada como um biquinho de uma menininha linda para fazer a mãe ceder a compra do objeto (in)desejado, mas com uma veemente condição: “_Vai ter que tomar todo o suco que eu fizer, nem que eu ponha goela abaixo!!”… é fato que aquele ‘goela abaixo’ era mais uma última forma apelativa para a desistência da criança, mas que de nada adiantava… “_Tudo bem!” foi a resposta.

Jarra de suco feita, copo cheio e sobre o olhar atento da mãe, já em casa, a garotinha preparava-se cheia de desejo e vontade em dar aquele primeiro gole, que se deu seguindo de uma caretinha pelo sabor terrível do suco e uma olhadinha para trás por cima do ombro. A mãe com aquele sorriso sarcástico que expressava o tal “não te disse”, apenas aguardava a desistência da criança, para soltar aquela bronca… mas eis que a garota parte para um novo gole, uma caretinha e uma olhadinha para trás… a cena se repetiu de novo e de novo.

O sarcasmo da mãe deu feições a curiosidade pela tal olhadinha para trás, já que a mãe encontrava diante da garotinha… mas um gole, caretinha e olhadinha para trás e a mãe não se agüentou “_O que você tanto olha para trás Dani?” e instantaneamente veio a resposta “_Estou vendo se aparece a piscina mãe!”…

Nenhuma bronca mais seria plausível depois dessa argumentação, afinal era exatamente isso que a propaganda da TV mostrava na época, você tomava aquele suquinho horrível em troca de ver se abrir atrás de você aquela maravilhosa piscina, refrescante e ensolarada!!!

Coisas que só mesmo uma criança percebe… pena ter sido nos idos dos anos 80, onde ainda não existia Procon ou qualquer outro órgão que asseguraria o direito a pequena garotinha àquela piscina em troca de beber o terrível suco!

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Cotidiano